Blog
2017 começou há três meses. O que você planejou?
21 de dezembro de 2016
0
, , ,
erick de albuquerque 2017 vem ai

Não, você não leu errado. Atenção, empreendedor: o ano de 2017 já começou e você deveria ter iniciado seu planejamento desde outubro.

Aí, você me pergunta: como assim, Erick? É simples: planeje o ano enquanto ele ainda não chegou. Porque, quando chegar, todo mundo vai estar frenético – às vezes, muitas vezes, isso acontece ainda em novembro ou dezembro. Quem planejou vai executar, quem não planejou vai ter que correr atrás.

“Quem começou a se planejar em outubro

tem mais chances de acertar”

Tem muita gente que deixa para fazer planejamento em janeiro, achando que o ano começa lá. E se você é desse time dos retardatários e está aí aperreado querendo saber o que fazer agora, com três meses de atraso, é o seguinte: mão na massa.

Pausa para as festas

Antes da gente continuar, um aviso importante: não invente de fazer nada entre o Natal e o ano-novo. Seus resultados não vão mudar por causa da energia que você pretende gastar nesse período. O mundo todo está confraternizando e as chances são mínimas de fechar um bom negócio. Sem falar que você pode ficar malvisto por estar fazendo isso, enchendo o saco de quem quer relaxar. Não dá para querer empurrar goela abaixo o que você não fez o ano todo. Dê um tempo mesmo, desconecte-se e viva essa mudança com quem você ama.

“Não adianta querer compensar

o tempo perdido entre o Natal e o ano-novo”


Como planejar 2017

Então, antes dessa semana de festas de fim de ano, você pode começar com um bom diagnóstico, que é onde começa todo planejamento. Se você vai montar um negócio novo do zero, o diagnóstico é mais complexo, com mais análises. Mas vamos falar nisso em outro momento.

Agora, vamos falar para quem já tem um business, com dicas básicas para um planejamento simples, mas eficaz. Acenda um incenso, faça “ommmmmmmm” e comece a refletir. Nem pense em fazer isso dentro do seu negócio. Se isole em um local diferente, como um hotel ou uma pousada, que lhe permita sair das demandas diárias e ficar imerso na reflexão abaixo.

PERGUNTAS PARA REFLEXÃO

  • Em que errei com minha empresa em 2016?
  • Como quero que meu negócio esteja dentro de cinco anos?
  • Quais itens fazem minha empresa (do futuro) ser como eu desejo?
  • O falta hoje e o que devo fazer, em cada item, para alcançar esse futuro?

 

Essas questões vão ajudar você a identificar necessidades como pessoal, parcerias, negociação com fornecedores, criação de brindes, etc.

Liste tudo que precisa para sua empresa ser como você sonha daqui a cinco anos. Assim, você vai poder criar as formas para realizar o que está faltando. Por exemplo: para investir mais, você precisa cortar despesas fixas. Não seria a hora de deixar um sala convencional para ir para um coworking?  É neste ponto que você cria seu plano de ação, definindo metas para que sua empresa alcance o que ainda não alcançou.

“O que falta fazer para minha empresa ser como eu quero?”

O próximo passo é definir um jeito de acompanhar esse planejamento e fazer ajustes quando necessário. Isso pode ser feito mensalmente.

Com certeza tem jeitos mais elaborados de se planejar um ano, mas aqui dei pontos básicos em que você pode erguer um planejamento simples e eficaz. Se você conseguir executar isso, garanto que, quando chegar outubro de 2017, você já vai estar pensando em 2018.

Mas, e a crise?

Espero que você, assim como eu, lembre que a gente nunca viveu num país sem crise. Crescemos um pouco nos últimos 10 anos, mas nem se compara ao que vivem países desenvolvidos. Sem falar que não estamos em situação pior do que vizinhos, como a Argentina, que anos atrás amargou problemas como inflação de quase 30% e cinco presidentes em duas semanas.

“A retomada do crescimento vai vir mais cedo ou mais tarde.
E independente da situação, haverá oportunidades”

Claro que, quando as coisas não estão fáceis, a gente tem vontade de beber Água Perrier e tem que beber Indaiá. Mas o que importa é não ter pedras nos rins porque deixou de beber água. Isso passa. Estamos nos organizando para retomar o crescimento e isso vai acontecer mais cedo ou mais tarde.

O fato é que, independente da situação, haverá oportunidades. Havia oportunidades quando a economia estava aquecida e muita gente aproveitou. Há oportunidades agora – que se fecharão numa janela de 6 a 8 meses – e tem gente aproveitando. Por outro lado, nas duas situações, tem muita gente que não acorda.

Dito isso, minha recomendação é: se planeje e aja para ter algum resultado. Não fique esperando um milagre salvar sua vida financeira enquanto as oportunidades passam na sua frente.

2017 começou pessoal!

Texto produzido por minha Ghostwriting querida, Emídia Felipe da Eu Escrevo ( www.euescrevo.com ) Faço questão de divulgar, principalmente pela gratidão que tenho por ter alguém tão profissional olhando meus conteúdos mais diversos 🙂 

 

2

Relacionados

/ Você deve achar isso interessante também

Supermercado novas tecnologias

Inovar em supermercados não é apenas inserir softwares!

Não, você não leu errado. Atenção, empreended...

Leia mais
Sobre o fracasso

Se você fizer as coisas pela metade, você será um fracassado!

Não, você não leu errado. Atenção, empreended...

Leia mais
Games e o mercado - por Erick de Albuquerque

Sobre o mercado de games, precisamos anotar algumas coisas.

Não, você não leu errado. Atenção, empreended...

Leia mais

There are 0 comments